Sábado, 18 de Março de 2006

Estou selvagem...

A energia da tempestade que se acumulou em mim deixou-me louco, travesso, delirante... e deixei-me levar pela imaginação... junto ao calor da lareira...

Sinto uma presença no ar, como se os anjos soprassem aos meus ouvidos, anunciando que tudo que desejo está vindo na minha direcção... suave... envolta num imenso manto secreto, provocando o meu ser...

À sua chegada, beijo-a com fervor, enquanto sinto o seu corpo colar ao meu, quente... sinto o seu corpo ferver nas minhas mãos que deslizam suavemente por cada parte do seu corpo, secreto, provocador...

Mas ela beija-me ainda mais intensamente, alimentando a chama que arde dentro de mim.

A minha pele arde de desejo, o meu corpo anseia pelo seu toque, despertando-me cada vez mais. Beija-me o peito com intensidade, com paixão, permite que o meu corpo expluda de prazer intenso... de imenso desejo!

Fico selvagem quando sinto que o seu desejo me invade...fico insaciável, provocando-a ainda mais, enquanto desbravo o seu corpo com minha boca, enquanto a faço perder a razão!!!

Deixamos então que a chama súbita da paixão una o nosso prazer. Os beijos ardentes deixam-nos a delirar de paixão!!! As nossas almas estão possuídas, o prazer incendeia-nos por dentro, deixando o nosso suor molhar o nosso desejo.

... no fim, saboreamos a união dos nossos corpos quentes e entrelaçados no leito improvisado... ainda unidos, pelo prazer, pelo desejo, pela loucura, pela paixão…

Beijamo-nos sem pudor, tocando os nossos ofegantes corpos sem medo, deixando que o nosso desejo nos leve completamente à loucura...

Diabinho

publicado por diabinho às 02:22
link do post | comentar | favorito
|
10 comentários:
De Rosa a 18 de Junho de 2006 às 19:27
O sexo é arte de controlar o descontrole.... beijos
De pequenita a 23 de Março de 2006 às 17:19
O roçar dos lábios...
A língua no canto, passeando, explorando...
As palavras suaves, serenas, tão cheias de amor.
São momentos de êxtase...
Que trago comigo, guardados, sentidos...
O roçar, o apalpar, o gemer...
O sussurrar no ouvido...
a barba a roçar...
o olhar no olhar...
a vontade latente...
explodindo em nos...
querendo muito mais...
explorando os momentos anteriores..
ao acto final....
Curtindo..sentindo...cada pedaço...
cada gesto...um olhar...um molhar de lábios
um passear pelo corpo... uma paradinha aqui...
outra ali, mais longa, demorada e subtil...
Um sorriso nos lábios e no olhar...
O calor do rosto, que subiu pelo corpo,
e está pronto a explodir...
O latejar vagaroso dos corpos se amando..
sem mais esperar...

De pensadora a 23 de Março de 2006 às 17:09
Bonita imagem a tua da paixao, dos corpos quentes amando-se...gostei das tuas palavras...
pensadora
De susana a 23 de Março de 2006 às 13:12
Este texto está escaldante!!!Combina mesmo com o teu nome, seu diabinho!!!
De Cakau a 23 de Março de 2006 às 12:03
Belo momento de paixão. FIquei com os olhos presos e a imaginação em funcionamento! ;) Beijinhos *
De Nylda a 20 de Março de 2006 às 14:23
Olá...
Que a estrada se abra à tua frente.
Que o vento sopre levemente em tuas costas.
Que o sol brilhe morno e suave em tua face.
Que a chuva caia de mansinho em teus campos.
E até que nos encontremos de novo...
Que Deus te guarde nas palmas de suas mãos.
Desejo-te uma excelente semana.
Beijos


De sinais de fogo a 19 de Março de 2006 às 20:59
Esse olhar cheio de tentação
que lançaste sobre mim
com sedução, com despudor, assim
como quem mostra os caminhos da perdição


Corrompeu meus hábitos, meus princípios...
A paixão, transformou em insaciável desejo
tornou objeto de minha cobiça, teu corpo, teu beijo...
Te amar, antes obsessão, agora é vício


Como uma aranha, enredaste-me em tua teia
vivo delirando, dizendo coisas sem nexo
tudo fantasiando, meio perdido


Pensando em orgia, em sexo...
Sentindo em meu ser a manifestação da libido
tão vital pra mim quanto o sangue que corre nas veias!


by: Walter Pereira Pimentel

De MoonLight a 18 de Março de 2006 às 18:49
Bem! Grandes mudanças aí para esses lados! Que bom! Fico feliz por ti! Muita força! Bjs de Luz
De lua branca a 18 de Março de 2006 às 18:36
Hoje, faz um ano que nos conhecemos,
Nos olhamos,te olhei,te senti diferente.
Nos apaixonamos perdidamente...
Como se nada mais existisse,além de nós
Que nos amamos.
Nos queremos,e nos desejamos,
Não vamos comemorar em nenhum
Como dois seres que se encontram,e assim querem ficar.
lugar luxuoso, nem em hotel algum,
Apenas fingiremos,amor.
ficaremos em casa juntinhos...
Ouvindo o som de nossos corações.
De vera a 3 de Abril de 2008 às 17:41
Conheço esse texto ( em muitos parágrafos) de outro autor...KOLMI.
Afinal, você o copiou e modificou?
Quem é o verdadeiro autor?
Já encontrei vários blogs com 3 parágrafos ou mais idênticos...

Comentar post

.mais sobre mim...

.pesquisar

 

.emails...

Live Messenger

Blog

Weather Forecast

.arquivos...

Puro-Sangue Lusitanos

.viagens...

.fotos...

blogs SAPO

.subscrever feeds